segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Um Muçulmano Brinca Carnaval?

Esta sexta-feira passada que precedia ao Carnaval, fui surpreendido por um senhor interessado em árabe com a pergunta título deste artigo. No etnato devido ao desconhecimento do mundo ocidental, relativo às práticas islâmicas, resolvi fazer uma série em que colocarei de vez enquando neste blog, explicando a origem dos costumes do mundo cristão e o porque nós muçulmanos não o comemoramos. Aqui começaremos com o Carnaval.
Primeiramente o Carnaval é uma festa do mundo cristão com origem no mundo pagão; em especial nos bacanais de Baco ou Dionísio uma divindade pagã greco-romana, tida por este povo como o deus do vinho e das orgias. Também seu nome, quer dizer literalmente "Festa da Carne", porque os antigos cristãos neste período se empanturravam de carne para se absterem no período da quaresma, além disso se entregvam aos já tão conhecidos 7 pecados capitais cristãos, onde tudo era permitido, pois se tinham uma falsa idéia do conceito de liberdade.
Por esta ser uma festa de origem idólatra e promíscua onde os foliões dão vasão a licenciosidade, o muçulmano não a comemora. Aproveitando este período para aferrar-se ainda mais as suas práticas religiosas e aproximar-se ainda mais de Allah.

Nenhum comentário:

Postar um comentário